Oração para São Sérgio

Nesta oração fazemos uma prece para que Deus, em sua extrema sabedoria, nos faça capazes de discernir entre o que é falso e o que é verdadeiro em relação ao evangelho, aos falsos profetas. Pedimos também a capacidade de sermos mensageiros de sua mensagem anunciando o evangelho e os seus ensinamentos pelo mundo.

Oração

Oh Senhor todo poderoso, venha interceder por nós por meio de São Sérgio e dá-nos a graça de poder anunciar o evangelho denunciando toda e qualquer mentira, falsidade que atente contra a Igreja e a vossa palavra. Que assim seja! São Sérgio Rogai por nós.

História de São Sérgio

São Sérgio, cujo dia é comemorado em 24 de Fevereiro, veio de família Síria e nasceu em Palermo na Itália. Pouco se sabe sobre o mesmo, mas a história que mais se destaca quando se fala do Santo é o seu martírio.

Oração para São Sérgio

Imagem: Reprodução

São Sérgio vivia isolado no deserto, por conta da ferrenha perseguição dos cristãos que era praticada na época – aproximadamente no ano de 304. D.C. – por ordem do Imperador Diocleciano. Ele afirmava que quaisquer governantes que não cumprissem suas ordens seriam castigados com o confisco de seus bens e até mesmo a morte. E, apesar de já existirem alguns simpatizantes do cristianismo, o governador da Armênia e da Capadócia, Sapricio – atual Turquia. – era minucioso quanto ao cumprimento das leis.

Acontecia, anualmente na região, as celebrações anuais em homenagem a Júpiter, deus pagão muito cultuado na época, desta vez as homenagens seriam feitas na cidade de Cesarea num local onde se encontrava uma estátua do deus pagão e onde eram realizadas as adorações. Era obrigatória a presença de todos os cristãos no culto pagão de adoração a Júpiter como um castigo, pois segundo os pagãos, seu deus não estava mais respondendo suas preces, pois estava descontente com a desobediência dos demais.

São Sérgio, que possuía uma vida de reclusão no deserto, adorando a Deus em segredo e rezando pelos irmãos que estavam expostos aos perigos do martírio, temeroso pelas perseguições, já havia sido esquecido pela população, portanto sua ausência no culto pagão não seria notada, mesmo assim ele sentiu uma forte vontade de comparecer ao mesmo. E assim o fez.

Ao comparecer ao culto sua presença foi rapidamente notada por todos, o que causou espanto na população cristã e nos organizadores do evento pagão. Com a sua chegada as chamas que iluminavam o local onde seriam realizados os sacrifícios se apagaram. São Sérgio então começou um corajoso trabalho de evangelização e explicou a incapacidade dos deuses pagãos e o poder e soberania do Deus único e onipotente o qual era seguido e adorado pelos cristãos.

Como era previsto, o homem foi preso imediatamente e levado à Sipricio que ordenou que o mesmo prestasse homenagem à Júpiter. Sérgio sem hesitar negou sua ordem, não renegando, no entanto à Cristo que é o verdadeiro messias. Ele foi decapitado ali mesmo no local, por conta de sua desobediência, mas morreu fiel e temente a Deus.

Escrito por: Helena Silva

Categorias: Santos