Oração para São Raimundo Nonato

São Raimundo Nonato é conhecido e adorado por ser padroeiro das crianças, das mulheres grávidas e das parteiras. O santo espanhol é homenageado com festividades nas igrejas sempre no dia 31 de maio, onde são feitas orações exaltando a vida de desprendimento material e dedicação total ao próximo que ele levou até a morte.

Oração pedindo proteção no parto

Gloriosos são Raimundo,
ninguém melhor que vós
saberá compadecer-se
das dores e perigos dum parto difícil,
pois, cedendo à violência dos sofrimentos,
vossa própria mãe
perdeu a vida
e só por milagre fostes dela extraído.

Eia pois, meu santo,
já que me encontro
neste estado delicado,
a vós confiadamente recorro
para que eu possa completar
com felicidade o número dos meus dias
e produzam minha entranhas,
livre e sã, a prole que
com a bênção divina concebi,
a qual, regenerada pelo baptismo,
venha com o tempo
aumentar o número
dos que fielmente servem ao Senhor.

Não me desprezeis,
glorioso santo,
de vós ouvi dizer
que a nenhuma deixastes
sem amparo nestas circunstâncias
compadecei-vos dos meus lamentos,
pois embora me alcance a justa sentença
que meu Senhor deu a Eva
dar à luz os filhos
com dores e trabalhos,
espero, com a vossa poderosa intercessão,
obter da benignidade de Deus,
pela Santíssima Paixão e morte de Jesus,
moderação e lenitivo em minhas dores,
e no momento oportuno,
um parto feliz,
para aumento da grei cristã
e maior glória de Nosso Senhor Jesus Cristo,
a cuja vontade
resigno totalmente a minha. Amém.

(Pai nosso, Ave Maria, Glória ).

História de São Raimundo

Oração para São Raimundo Nonato

Imagem: Reprodução

Raimundo Nonato nasceu no século XIII, por volta do ano 1204, na cidade de Portel, na Catalunha, na Espanha. A mãe de São Raimundo morreu antes de conseguir dar a luz, devido a complicações. O santo foi retirado do útero da mãe quando ela já estava morta, o que era muito raro na época. Por isso foi dado ao santo como segundo nome “Nonato”, que é uma expressão em latim que significa “não nascido”.

A família de Raimundo era pobre, quando criança o jovem teve que ser pastor de rebanhos, mas era muito temente a Deus. No ano de 1218, quando estava sendo iniciada a Ordem das Mercês, que buscava a redenção dos escravos, por São Pedro Nolasco, o jovem Raimundo sentiu que deveria se dedicar a evangelização.

Seguindo o exemplo do fundador da Ordem, Raimundo tornou-se um mercedário e dedicou-se a lutar pela libertação dos escravos, numa época em que a escravidão era tida como natural por muitas pessoas.

Em 1226, São Raimundo Nonato se entregou como escravo, a fim de se aproximar mais dos escravos para dar-lhes consolo e ânimo por meio da fé em Deus.

O santo passou vários meses vivendo dessa maneira e sendo torturado mais do que um escravo comum, pois sempre era visto pregando o evangelho e denunciando as injustiças feitas pelos senhores de escravos. Quase dez anos depois foi resgatado por amigos, mas estava muito debilitado. O papa Gregório IX, sabendo o quanto São Raimundo havia se dedicado para que a palavra de Deus atingisse todas as pessoas, o homenageou publicamente e convocou-o como conselheiro. Raimundo seguiu viagem para Roma, mas durante o percurso adoeceu e morreu, pois estava muito fraco. São Raimundo Nonato morreu no dia 31 de agosto de 1240 e foi canonizado em 1657, pelo Papa Alexandre VII.

Escrito por: Wanessa Galvão

Categorias: SantosMais orações para: