Oração para São João Batista

Oração

Ó São João Batista, hoje comemoramos teu nascimento, profeta do altíssimo, escutai nossas orações.

Hoje, lembramos-te ainda menino. Salve, menino São João!

Hoje, lembramos-te ainda menino, saltando de alegria no ventre de Izabel. Ao ouvir a voz da Virgem Maria ficastes cheio do Espírito Santo!

Hoje lembramos teu nascimento miraculoso, filho de uma mulher antes estéril e de idade avançada, motivo de admiração para muitos em Israel!

Vinde, São João Batista, orai por nós.

Aplanai meus caminhos cheios de pedra e tortuosos, endireitai minhas veredas para que alcance a graça que tanto desejo.

Assim como fostes à frente do Senhor, passai à minha frente, e com o poder de tua oração junto a Deus, afastai meus inimigos visíveis e invisíveis, as raças de cobras e víboras que me rodeiam, e como profetizastes, lançai-as longe de mim.

Tu, que és o maior entre os nascido de mulher, como disse o próprio Cristo, velai por mim com tua intercessão e sei que nunca serei desvalido, pois Deus escuta tuas orações com amor e presteza.

Que eu siga o cordeiro que tira o pecado do mundo, com a proteção de tua intercessão, e que me acompanhem sempre a saúde, a prosperidade e o amor, para que com humildade e alegria sempre louve a bondade eterna e divina do Senhor nosso Deus.

Em nome do Pai, Filho e Espírito Santo, ouça minha oração, amém!

Quem era João Batista?

Oração para São João Batista

Imagem: Reprodução

Estima-se que João Batista tenha nascido no século II a.C (Antes de Cristo) na Judéia. No Evangelho Segundo São Lucas são encontrados os nomes dos pais de João Batista: Zacarias, que era sacerdote, e Isabel, que era prima de Maria, Mãe de Jesus.

O nome João significa “Deus é favorável” e o Batista remete ao fato de que o santo teria realizado milhares de batizados.  Entre os vários judeus batizados no Rio Jordão estava Jesus.

João Batista alertava que os judeus precisavam se preparar para a chegada do Filho de Deus, e por isso é considerado por muitos, principalmente pelos cristãos ortodoxos, o precursor do Messias e da palavra de Deus, como se ele tivesse “preparado o terreno” para a importantíssima vinda de Jesus Cristo.

Na igreja católica são dedicados dois dias ao santo: o dia 24 de junho, dia do nascimento do santo, e 29 de agosto, dia em que o santo foi morto devido a sua fé.

Como ele vivia?

São João Batista era considerado por muitos um profeta, e as semelhanças de ideais e atitudes com o grande profeta Elias, deram a fama de ser a reencarnação de Elias. O santo vivia de cidade em cidade vestido com peles, batizando pessoas e fazendo discursos públicos, que tinham como tema central e predominante, a vinda do Messias. As pessoas ficavam admiradas com as pregações de João, pois a chegada do Messias era desejada por todos os judeus há muito tempo.

Durante uma de suas pregações João Batista acusou publicamente o Rei Herodes de manter relações íntimas com a cunhada, Herodíades. A história logo chegou aos ouvidos das pessoas do reino e do Rei.

O martírio

Herodíades não admitiu a acusação de João Batista e usou a própria filha, Salomé, para conseguir a morte do profeta. Durante uma conversa em frente à corte Salomé conseguiu que o Rei Herodes prometesse entregar a cabeça de João Batista numa bandeja.

João foi aprisionado e passou cerca de dez meses preso antes de ser executado.