Oração para São Bartolomeu

Oração ao santo

Oh glorioso Santo Bartolomeu. Eis um modelo de virtude e pureza, cheio das graças do Senhor Deus. Foste um dos seguidores, amigos mais próximos de Jesus Cristo e sei que o conheces bem. Intercede ao filho do Senhor, querido santo, por minha vida e as vidas dos meus amados. Permita que todos os recursos do bem sejam usados para nos proteger do perigo diário, da inveja, da maldade. Livra-nos das pessoas interesseiras, que se escondem por baixo de pele de carneiro, mas dentro sabemos que são lobos preparados para dar o bote. Querido santo, me inspira a seguir seus passos, que saíram em busca da verdade e não duvidaram da santidade de seu Senhor. Permita que a minha fé possa servir a Cristo da melhor forma possível, pois sem Ele nada sou. Agradeço a vós, por estar ouvindo minha prece e intercedendo a Deus para que eu tenha forças de superar minhas aflições. Que no fim, eu alcance a salvação e vós estejais ao meu lado, segurando minha mão.

Ouça minha oração!

Amém.

História de São Bartolomeu

Oração para São Bartolomeu

Imagem: Reprodução

Nascido em Caná, mesma cidade que Jesus realizou seu primeiro milagre (transformou a água em vinho), São Bartolomeu é um dos santos mais adorados da Igreja Católica. Ele foi um dos doze apóstolos sagrados do Salvador, que ouviu Suas mensagens, Seus ensinamentos, assistiu a Glorificação e passou a mostrar para o mundo a Palavra divina. Depois de ser martirizado, Bartolomeu seguiu feliz ao Céu para ficar ao lado de seus Mestres celestiais.

Seu pai era Tholmai, que o chamou de Natanael e, de acordo com alguns relatos, o primeiro encontro de Jesus com o Santo foi decisivo para que ele finalmente passasse a fazer parte de seus seguidores próximos. Foi Filipe, seu grande amigo, que o comunicou sobre a vinda do Messias e ele saiu em sua busca. O Filho de Deus disse sobre o jovem “Um verdadeiro israelita no qual não há fingimento” e passou a lhe chamar de Bartolomeu, assim ele começou a fazer parte dos seguidores, chamados de apóstolos.

Depois da morte e ressurreição de Cristo, São Bartolomeu decidiu levar o cristianismo pelo mundo e chegou até a Índia. Uma tradição afirma que o santo trazia consigo o Evangelho Herético de Matias, a versão hebraica, mas acabou perdendo-o, apenas conservando algumas poucas anotações. Ele conseguiu converter o Rei Polímio na Armênia e isso gerou grande rebuliço com os sacerdotes pagãos do lugar. Ele foi morto tendo sua pele arrancada a mando dos sacerdotes pagãos da cidade. Seus restos mortais foram trazidos de volta para Roma somente com muitos séculos depois. É possível encontrar esses restos na sua igreja da cidade. Já na Capela Sistina há uma imagem onde o santo está segurando a própria pele.