Oração para Nossa Senhora do Bom Conselho

Uma das invocações mais famosas de Maria Santíssima, Nossa Senhora do Bom Conselho ainda hoje desperta admiração dos fiéis que conhecem sua história e dos que vão admirá-la na Itália. A Santa é homenageada sempre no dia 26 de abril e conta até hoje com uma lista de milagres que só cresce.

Oração

Gloriosíssima Virgem Maria,
escolhida pelo eterno Conselho para Mãe do Verbo Humanado,
tesoureira das divinas graças e advogada dos pecadores, eu,
o mais indigno dos vossos servos,
a vós recorro para que me sejais guia e conselheira neste vale de lágrimas.

Alcançai-me, pelo preciosíssimo sangue do vosso divino Filho,
o perdão dos meus pecados,
a salvação da minha alma e os meios necessários para obtê-la.
Alcançai também para a Santa Igreja o triunfo sobre os seus inimigos
e a propagação do reino de Jesus Cristo em todo o mundo.

Amém.

História de Nossa Senhora do Bom Conselho

Na Albânia

A história da adoração de Nossa Senhora do Bom Conselho começa há muito tempo, na Idade Média. Até hoje não foi descoberta a origem dessa invocação da Virgem Maria.

Na cidade de Scurati, na Albânia, havia muitas capelas em homenagem a santa e em uma delas havia uma imagem de Nossa Senhora do Bom Conselho. Esta imagem, segundo os povos nativos, era responsável por muitos milagres.

Oração para Nossa Senhora do Bom Conselho

Imagem: Reprodução

A capela onde estava a imagem se tornou centro de peregrinação no período da guerra contra os otomanos até o dia em que dois albaneses cristãos foram orar para a santa, pedindo a benção de sair da cidade com vida. Diz a lenda que no fim da oração a imagem se desprendeu do altar, flutuou no ar, saiu da igreja e mostrou um caminho seguro para os dois homens. Os dois albaneses seguiram a imagem até chegar em Roma, onde a pintura desapareceu no ar.

Na Itália

Enquanto isso, na cidade de Genazzano, na Itália, a Igreja de Nossa Senhora do Bom Conselho, que tinha sido construída no século V, estava com a estrutura danificada e ameaçava ruir. Ninguém queria pagar as despesas da reconstrução, então Pedrina, uma irmã da Ordem Terceira de Santo Agostinho, começou a orar e disse que a reconstrução da igreja seria providência divina.

Poucos acreditaram em Pedrina, até que no dia 25 de abril de 1467, no exato momento em que muitas pessoas estavam na igreja e nas proximidades, festejando o dia de São Marcos Evangelista, as nuvens ficaram estranhas e uma chegou a formar uma espécie de coluna, chegando a tocar uma das paredes da igreja. Todos ficaram estupefatos, e no momento em que a nuvem se dissipou puderam ver uma imagem de Nossa Senhora do Bom Conselho. Os sinos começaram a tocar sozinhos e muitas pessoas se converteram depois de terem presenciado o milagre.

Os padres começaram a divulgar o milagre e logo muitas pessoas foram até lá conferir a imagem. Os dois albaneses que haviam sido ajudados pela santa ficaram sabendo da história e resolveram ir para conferir, chegando lá viram que se tratava da mesma imagem que antes residia numa capela, na Albânia. Os dois homens começaram então a morar na cidade de Genazzano, para ter contato sempre com Nossa Senhora do Bom Conselho.

Muitas pessoas foram visitar a Santa. Um notário foi indicado para registrar os principais milagres. O registro feito por ele existe até hoje e nele constam 171 milagres apenas naquela época.

Atualidade

O pontífice João Paulo II visitou a Albânia e levou para a capela onde antes ficava a imagem de Nossa Senhora do Bom Conselho um novo afresco. Marcando dessa forma a reconciliação da Igreja de Cristo com o país.

Desde esse dia é o Vaticano que arca com as despesas de reforma e manutenção do santuário.